quarta-feira, 25 de junho de 2014

Os Arautos do Passado

Os arautos do passado estão por ai, eles aparecem no mundo virtual se infiltrando nos movimentos. Em Duque de Caxias não é diferente, a cidade foi vilipendiada durante décadas por governos irresponsáveis que levaram o município, um dos mais ricos do país, a bancarrota. A cidade viveu durante anos quase como uma colônia comandada por seus coronéis, que viviam fazendo leis para beneficiar seus afilhados políticos que ganhavam salários de marajá. Aqui era muito fácil, era só ser amigo do “coronel prefeito”.
 No campo do marco institucional não é diferente, a cidade carece de uma legislação que aponte para novos caminhos e dê conta do seu papel indutor de motor do desenvolvimento da Baixada Fluminense. Digo isso pela recente discussão que está na ordem do dia, do tombamento da Escola Municipal Dr. Álvaro Alberto, mais conhecida por Mate Com Angu.
Quero deixar bem claro que sou a favor do tombamento da escola como patrimônio histórico da cidade de Duque de Caxias.  Aliás, sendo aprovado será o primeiro tombamento realizado no município. Muitos que hoje nos criticam, já participaram de outros governos e não impediram a destruição de outros bens históricos, tampouco impediram o derrubamento de cobertura de áreas verdes na cidade. As coisas serão feitas, no seu tempo e da melhor forma, para que o processo seja realizado dentro do marco legal, para que não existam dúvidas e questionamentos mais à frente. Queremos a preservação de nossa história e de nossa memória sim. Mas de forma que possamos protege-los dentro de uma nova perspectiva, num contexto de um projeto republicano para nossa cidade, que seja um legado para toda a sociedade duquecaxiense, fruto do nosso passado, responsável com nosso presente e apontando para um futuro melhor para todos.



Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...