sexta-feira, 24 de abril de 2015

Território Baixada realiza ciclo de encontros com ativistas da região

Um ciclo de encontros entre artistas, coletivos, pesquisadores e produtores em torno de debates, laboratórios e apresentações estéticas que pensam e refletem os processos de criação do território Baixada Fluminense.
O projeto parte da necessidade de conectar realizadores e obras desse grande mapa, além de fortalecer os trânsitos e os intercâmbios entre outros territórios, linguagens e atores.
 A Terreiro de Ideias: Arte, Comunicação, Cultura assina a concepção e a produção e, nessa edição, também realiza o projeto que conta ainda com a parceria da Casa Fluminense, Dunas Filmes, Instituto Federal do Rio de Janeiro, Perestroika – Escola de Criatividade, Prefeitura Municipal de Nilópolis através da Secretaria Municipal de Cultura, TV Globo e Vics!

Programação

A segunda edição do Território Baixada vem reafirmar o convite pro encontro, celebrar a invenção no território e potencializar os trânsitos com realizadores de outras pegadas e lugares, ampliando a rede, debatendo os ativismos, conectando os códigos!

Artes Visuais, Cultura Digital, Patrimônio Imaterial, Redes e Estética, Cultura Urbana, Saraus e Ocupação de Espaços Públicos serão os eixos de debates de 2015, costurados por uma abertura em homenagem ao guerrilheiro Centro Cultural Donana e o encerramento dedicado a discutir os caminhos das políticas culturais da região.

Como centro de uma outra geografia que se abre em redes, importante sublinhar: as micropolíticas são as que revolucionam e subvertem as ordens e seus choques! A favor do comum por outras perifas, quebradas e bandos, a Baixada não deixa dúvida sobre essa sua vocação urgente: reinventar espaços e narrativas, assumindo a colaboração e a criatividade como plataforma!
Sejam bem vindos ;-)

Dia 30.04 -quinta-feira, às 14h: Bando, estética e ação! BF é nóis - Transmissão ao vivo através do territoriobaixada.com.br

Dia 06.05- quarta-feira, às 17h: Lá em Belford Roxo: o legado de Dona Ana e o som da cidade do amor Abertura da Exposição Percursos e trânsitos: viva Donana!

Dia 22.05 -sexta-feira, às 17h: Poéticas da cidade ou quando a rua vira corpo

Dia 27.05-quarta-feira, às 17h: Baixada Fluminense, imagens, imaginários e sentidos

Dia 03.06 -quarta-feira, às 17h : Palavre-se! Os saraus e seus rastros no território

Dia 10.06- quarta-feira, às 17h : Dos tratados e das redes: estética, política e ativismo

Dia 17.06-quarta-feira, às 17h : Web, Ficção, Relato e Amor: cartografia e resistência 2.0

Dia 24.06 -quarta-feira, às 17h:  A Memória como Materialidade e Patrimônio

Dia 08.07-quarta-feira às 17h : Território sem mapa, bandeira fincada: da arte de reinventar praças

Dia 15.07 -quarta-feira, às 17h: Políticas culturais: Baixada Fluminense e direitos


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...