quinta-feira, 2 de outubro de 2014

A necessidade da reforma política, não merecemos ter que aturar Levy Fidelix novamente

O sistema eleitoral brasileiro precisa urgentemente da reforma politica, somente ela vai garantir  nossa sanidade democrática, e nos livrar de ter que aturar determinadas figuras como o senhor Levy Fidelix, e outros numa disputa tão importante quando a Presidência da República. 
Hoje teremos o último debate eleitoral, e mais uma vez teremos que ver figuras folclóricas, sem projetos para o Brasil, aparecendo mais uma vez. Isso só acontece por conta do nosso sistema eleitoral, que já passou da hora de ter uma reforma politica séria. 
O senhor a que me referi acima, é candidato pelo minúsculo PRTB, que terá acesso esse ano, a mais de 1 milhão do fundo partidário, e só aparece no debate porque seu partido na última eleição elegeu dois deputados federais: Vinicius de Azevedo Gurgel do Amapá e Aureo do Rio de Janeiro, mais precisamente de Duque de Caxias. Os dois não estão mais filiados ao partido, e se elegeram em coligações partidárias.
É preciso repensar esse modelo, quase todos os políticos falam dessa necessidade, é preciso sair do plano das ideias e ir para prática, o nosso sistema eleitoral e politico não representa mais os anseios da maioria de nossa sociedade. Partidos de aluguel, coligações proporcionais, voto distrital, voto facultativo,  são temas que tem que ser prioridade na pauta da próxima legislatura do Congresso Nacional. Mais uma coisa que eu acho mais fundamental de todas, precisamos garantir o financiamento público da campanhas eleitorais. 
Tudo isso tem a ver com você e seu cotidiano, por isso no domingo vá as urnas e dê seu voto consciente, lembre-se da importância do voto e  suas consequências para o futuro, pesquisa a vida e o passado de seu candidato e boa eleição.


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Temer transforma o Brasil num dos países mais infelizes do Mundo

Caiu um dos últimos mitos que restavam ao Brasil, o da felicidade. Pesquisa Gallup divulgado na última semana coloca o país como um dos ma...