segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Museu Ciência e Vida recebe exposição "Do mangue ao mar"


Para chamar a atenção sobre a importância de preservação dos manguezais e seu papel fundamental para a Baía de Guanabara, o Projeto Uçá traz um pouco do mangue para o museu mostrando que a Baía de Guanabara respira e pode ser salva. O ecossistema - uma das fontes de biodiversidade da Baía, mesmo em meio de tanta poluição - é destaque na exposição “Do Mangue ao Mar - uma Baía de Guanabara que você nunca viu”, que será inaugurada no dia 1º de setembro, às 11h, no Museu Ciência e Vida, em Duque de Caxias.

Os visitantes terão a visão de como é esse berçário de vida da Baía de Guanabara através de uma imersão fotográfica. As fotos foram feitas durante trabalho de campo pela equipe técnica do Projeto Uçá, que conta com o importante patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental. “É um passeio que valerá para os adultos e para as crianças poderem entender um pouco desse ecossistema tão importante para a Baía de Guanabara,” diz Sabrina Sodré, Educadora Ambiental do Uçá.

Além da mostra de animais “in vitro” da Baía de Guanabara, a outra novidade da exposição é um tabuleiro gigante: um jogo interativo que ensinará para crianças práticas ecologicamente corretas. As peças do tabuleiro são as próprias crianças. A exposição também conta com mediadores devidamente capacitados para atuarem junto ao público. A visitação é gratuita, de terça à sábado, das 9h às 17h, e aos domingos e feriados, das 13h às 17h. Turmas podem agendar a visitação, que é mediada, através do telefone 2671-7797.

Sobre o Projeto Uçá - O Projeto, que tem o nome do Caranguejo Uçá que sobrevive no Mangue, já reflorestou 8,7 hectares de mangue e está trabalhando para reflorestar 9,0 hectares (90.000 m²) na Área de Proteção Ambiental ( Apa de Guapi-Mirim). O reflorestamento é feito através de parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, (ICMBio), além da Estação Ecológica da Guanabara. AS parcerias incluem ainda a Estação Ecológica de Carijós em Florianópolis (para educação ambiental naquela cidade) e Cooperativa Manguezal Fluminense, dentre outras. O Projeto Uçá também leva Educação Ambiental a escolas em oito município do entorno da Baia de Guanabara: Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Magé, Guapimirim, Cachoeiras de Macacu, Petrópolis e Teresópolis. Também atua com pesquisas de costões rochosos na Baía de Guanabara acompanhando o desenvolvimento das espécies.

Serviço:
Exposição “Do mangue ao mar”
Inauguração: XX de setembro
Local: Museu Ciência e Vida
Rua Ailton da Costa, s/n - Jardim Vinte e Cinco de Agosto, RJ, 25071-160
Telefone:(21) 2671-7797
Gratuito




Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...