sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Dia da Consciência Negra

No dia 20 de novembro comemoramos o Dia da Consciência Negra, uma série de atividades estão sendo programadas para a cidade de Duque de Caxias em vários locais. Uma das mais belas é a missa afro que acontece na Catedral da Igreja de Santo Antonio e a lavagem do Busto de Zumbi dos Palmares no calçadão. A abertura oficial será realizada hoje as 16h no Teatro Municipal Armando Melo. Segue a programação completa: PROGRAMAÇÃO Dia 18, Teatro Municipal Armando Melo (TEMAM) – 16h: Abertura oficial; 17h: Diplomação dos novos Conselheiros do CONDEDINEPIR pelo prefeito José Camilo Zito e o secretário de Cultura, Gutemberg Cardoso; 17h30: Colóquio “Vida de Joãosinho da Goméa - Quarenta anos de ausência, com a historiadora Marlucia Santos de Souza e o Babalorixá Tatá Anselmo Minato; 18h20: apresentação de Hélio Ventura e Banda; Também no dia 18, no Teatro Municipal Raul Cortez, às 19h30, lançamento do CD “Simplicidadede”, do intérprete Wantuir da Grande Rio. Dia 19, no Teatro Municipal Armando Melo (TEMAM), às 15h: Palestra sobre traços falcêmicos; 18h30: Missa Afro na Catedral de Santo Antônio. Dia 20, no Teatro Municipal Raul Cortez, das 16h às 22h: apresentação de Hélio Ventura e Banda, Grupo Urbanos (hip hop), Grupo Afro-Cultural Imalê Ifé e Banda Tarja Real. Dia 21, no CRAS Beira-Mar (Rua Francisco Alves s/nº, Parque Beira Mar), das 9h às 11h30: Mesa redonda “Café com Direitos Humanos - Igualdade Racial é Prá Valer”; Ainda no dia 21, na Casa Brasil de Imbariê, às 10h: Abertura da exposição “Deuses Africanos”, de Agenor Nunes; 12h – Exibição do documentário “Abdias Nacimento - Memória Negra”, de Antonio Olavo; Teatro Municipal Armando Melo (TEMAM) – 15h: Palestra de Educação Fiscal para oTerceiro Setor, pelo Centro Cultural Agué Marê. Durante todo o evento, os interessados poderão visitar a exposição “África-Brasil, Ancestralidade e Expressões Contemporâneas”, aberta até 9 de dezembro. A mostra retrata a cultura africana e homenageia o pintor, escritor, poeta e um dos mais destacados defensores da defesa da cultura e igualdade para as populações afrodescendentes no Brasil, Abdias Nacimento, com fotografias, pinturas, cartazes, esculturas, livros e revistas. A entrada é franca e o evento é realizado pelo IPEAFRO (Instituto de Pesquisas e Estudos Afro-Brasileiros) em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...