sábado, 24 de outubro de 2015

A arte de quebrar o gelo e transpor barreiras

Ações culturais não enxugam o gelo, quebram barreiras, criam pontes, afetos e são capazes de transformar coisas que alguns achavam improváveis de acontecer. Hoje fizemos mais uma ação na Mangueirinha, em Duque de Caxias, dessa vez uma Maratona Fotográfica. Quando propus a ação era porque sabia do potencial do lugar, do ponto de vista da bela vista que  proporciona . 
O local até bem pouco tempo atrás era um dos símbolos do trafico da região, além da  principal base, era o local dos tribunais do tráfico. Hoje o alto do morro está ocupado com a sede da UPP da Mangueirinha. 
O evento acontece, logo após a realização do Circuito Montauin Bike de Favelas, que ocorreu  no mês passado e sacudiu a comunidade.
Andando no local é possível, já verificar crianças brincando com policiais, provavelmente essa geração crescerá de outra forma, enxergando o papel da Policia Militar por uma outra perspectiva. Não se muda uma sociedade do dia pra noite, nem por decreto, acredito que as futuras gerações se continuarmos nesse caminho terão outras possibilidades de convívio e de desenvolvimento das suas potencialidades. Ações culturais, além de é claro oferecer serviços de educação, saúde são fundamentais e estruturantes para modificar décadas de abandono. A Prefeitura de Duque de Caxias vem realizando ações que são visíveis para quem frequenta e conhece o local, ações que puderam ser potencializadas a partir da implantação da UPP no local.
Mudar corações e mentes, de todos os lados, desarmar preconceitos e quebrar paradigmas através de ações propositivas, é um bom caminho para sairmos da politica do medo e do confronto, para realizarmos ações afirmativas baseadas em um novo tratado de convívio social, ancoradas em novas praticas e   novas metodologias de ação. Acredito que só assim mudaremos de fato a sociedade para estabelecer um novo pacto social  baseado em novos critérios que estão sendo estabelecidos agora, nesse momento crucial para todos nós. Acho perfeitamente possível que isso possa a vir acontecer, num futuro breve, é preciso seguir o caminho, corrigir os erros e seguir em frente.

                           Foto: Carlos Arthur                          


Hoje também começou a montagem do Circuito Montauin Bike de Favelas, que será realizado no dia 1º de novembro na Vila Operária. O local conta com uma companhia destacada do 15º BPM, e está dando todo o apoio para a realização do evento, junto com a Prefeitura de Duque de Caxias. O local é onde é realizado nos mês de novembro o Meeting Off Favela - MOF.









Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...