quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Grupos da Baixada são os grandes vencedores da 12ª edição do Festival Nacional de Teatro de Duque de Caxias

Os espetáculos “Ainda aqui”, apresentado pela Cia. Ceme de São João de Meriti, e “A Festa no Céu”, do grupo Cochicho na Coxia de Mesquita, foram os grandes vencedores nas categorias adulto e infantil do 12º Festival Nacional de Teatro de Duque de Caxias realizado de 28 de setembro a 10 de outubro no teatro Raul Cortez. A premiação foi na noite de domingo (11/10) no local das apresentações e contou com a presença do subsecretário de Cultura André Oliveira que representou o secretário Jesus Chediak. Foram distribuídos R$ 24 mil (R$ 6 mil 1º lugar, R$ 4 mil 2º lugar e R$ 2 mil 3º lugar) em prêmios para as duas categorias, além de troféus.

O festival foi promovido pelo Centro de Pesquisas Teatrais de Duque de Caxias (CPT) e teve o apoio da Prefeitura de Duque de Caxias, através da Secretaria de Cultura e Turismo. Além da premiação em dinheiro’ foram entregues troféus por categorias. Segundo o diretor do CPT Guedes Ferraz, mais de 15 mil pessoas assistiram as 33 apresentações no teatro Raul Cortez e externas realizadas por atores e alunos do Centro e pontos da cidade.
Antes do anuncio dos vencedores do festival duas apresentações prenderam a atenção do público: a apresentação do grupo de Dança da Cia de Dança Priscila Freitas e a Violões Itinerantes formado com a dupla Felipe Pacheco e Artur Costa tocando canções clássicas e populares.
Na categoria adulto ainda foram premiados os espetáculos “O arquiteto e o imperador da Síria” (2º lugar) e “Ser ou não sei” (3º lugar), apresentados pelos grupos Cia Pigmento de Teatro (Irio das Ostras) e pela Cia Brasileira de Interpretação (Bangu). Na categoria infantil conquistaram o segundo e terceiro lugares os espetáculos “Ulisses cabeça de Vento” (grupo teatral Loucatores, do Jardim América) e “Meu avô Dom Quixote” (do grupo Corpus In Cena, de Rio das Ostras).
As outras premiações foram as seguintes:
Categoria Infantil:
Melhor Texto, Meu avô Dom Quixote; Melhor Iluminação, O mágico Oxente; Melhor Cenografia, Meu avô Dom Quixote; Melhor Maquiagem, O mundo encantado de Clara; Melhor Figurino, Ulisses – Cabeça de vento; Melhor Ator, Levi Duarte – O mágico Oxente; Melhor Atriz, Agatha Duarte, Ulisses – Cabeça de vento; Melhor Ator coadjuvante Caio Pimentel – A festa no céu; Melhor Atriz coadjuvante, Jéssica Alves – A festa no céu e Melhor Diretor, Taissa Vasconcellos – A festa no céu.
Categoria Adulto
Melhor Texto, Ainda aqui – Vinícius Baião; Melhor Iluminação, Ser ou não sei; Melhor Cenografia, Ser ou não sei; Melhor Figurino A farsa do amor acabado; Melhor Ator, Ritcheli Santana – O arquiteto e o imperador da assíria; Melhor Atriz, Malu Saldanha – Ser ou não sei; Melhor Ator coadjuvante, Rohon Baruck – O matador de santas; Melhor Atriz coadjuvante, Rebecca Leão e Melhor Diretor, (dois premiados) Vinicius Baião por Ainda Aqui e Diego Deleon por O Arquiteto e o imperador da Assíria.







Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Temer transforma o Brasil num dos países mais infelizes do Mundo

Caiu um dos últimos mitos que restavam ao Brasil, o da felicidade. Pesquisa Gallup divulgado na última semana coloca o país como um dos ma...