segunda-feira, 14 de março de 2011

Dia da poesia

Hoje é comemorado o dia nacional da poesia em homenagem ao nascimento do poeta Castro Alves que nasceu no ano de 1847.
Para comemorar a data publico uma poesia de minha autoria, em homenagem a minha musa inspiradora Rosita.


Uma Tarde em Niterói
Em teu cais eu me amarro
E me sinto mais seguro
Sentado na proa, espero a cidade chegar lentamente...
Ancorado no seu coração, atravesso o oceano
O mar com ciúmes, bate violento em meu casco
Te abraço mais forte e sinto seu pulsar intenso
Enquanto o vento sorrateiro mexe nos seus cabelos castanhos
Não olho para traz
Sigo a rota da vida
Do amor que entrou feito folia
Sem bater na porta
Sem pedir licença
Sem contratos estabelecidos
Sem contas à pagar
Que veio como as gaivotas livres
...que atravessam a Baía da Guanabara...
Colorindo o cinzento céu
Refletido na moldura que contemplo
Deitado ao teu lado.

André de Oliveira
 
 

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Cansei, poesia

Recital de Poesia e Microrrelato em Vigo, realizado  no Galo Vento. Cansei, é uma das poesias que recitei no evento. A poesia está publicad...